CÃES COMEM GRAMA? – Blut's
29.11.2017

CÃES COMEM GRAMA?

Indigestão, queimação gástrica, cólica, entre outros tipos de desconforto abdominal podem levar seu peludo a comer grama. Isso porque ela é basicamente composta por fibra, que acelera o trânsito intestinal. Então, não se preocupe caso seu mascote “pastar” de vez em quando! Comer grama com moderação faz bem ao animal, pois a clorofila ainda funciona como um antibacteriano em feridas e pode combater infecções de gengiva e garganta, por exemplo. Mas, se esse comportamento se repetir com frequência, é bom ficar de olho, pois pode ser sinal de doença mais séria.

MOTIVOS – Além do desconforto gastrointestinal, há outras causas que podem levar seu cãozinho a ingerir grama e uma delas é a ansiedade. Se o pet faz pouca atividade física ou não recebe atenção, comer grama pode ser um meio de ele demonstrar o estresse. Falta de água na dieta, alimentação inadequada e até fome são outros motivos que podem induzir esse hábito.

PLANTAS TÓXICAS – Há tipos de vegetação que são muito perigosas aos pets. Em geral, as plantas ornamentais são tóxicas. Samambaia, arruda, lírio da paz, copo-de-leite e espada de São Jorge são proibidas para cachorros. Entre os temperos, cebola e cebolinha não podem ser ingeridos. É importante estar atento aos cães filhotes, pois eles costumam comer tudo o que encontram pela frente. Também fique atento ao local onde seu peludo está ingerindo grama. A vegetação em parques e locais públicos pode estar contaminada com pesticidas, químicos e até mesmo com urina e fezes de outros animais.

PLANTAS LIBERADAS – O ideal é ter em casa plantinhas que seu peludo possa degustar. Em pet shops e feiras orgânicas, são vendidas sementes e mudas de capim e grama próprias para serem consumidas por bichos. Hortelã, orégano, salsinha, manjericão, gengibre e até milho de pipoca também são algumas opções que você pode oferecer ao seu pet.

×